Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
24/09/20 às 13h27 - Atualizado em 24/09/20 às 13h27

BRB prepara reabertura do Mirante da Torre de TV

Com entrada gratuita, ponto turístico voltará a receber público a partir de 1º de outubro

 

Um dos cartões-postais mais icônicos de Brasília, a Torre de TV vai reabrir suas portas ao público. Agora, sob gestão do Banco de Brasília (BRB), o importante ponto turístico terá a primeira fase do mirante reaberta a partir do dia 1º de outubro. Com entrada gratuita, estará em funcionamento de quinta a domingo, das 12h às 18h.

 

Devido à pandemia de Covid-19, nesta primeira etapa de frequentação o acesso ao mirante respeitará protocolos estabelecidos pelos órgãos de saúde, com imposição de distanciamento social. Assim, apenas quatro pessoas por vez serão permitidas no espaço.

 

|“O BRB tem orgulho de fazer parte da recuperação e reocupação da Torre de TV, um dos principais cartões-postais e pontos turísticos de Brasília” – Paulo Henrique Costa, presidente do BRB|

 

Além da reabertura do mirante, será entregue à população a revitalização da tradicional Feira da Torre, com paisagismo feito pela Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap). Serviços como a pintura de blocos e de lixeiras e o desentupimento de bueiros e saídas de água também serão executados no local.

 

A fonte luminosa terá diariamente, às 19h e às 21 horas, vídeo de animação projetado na água, que funciona como uma espécie de tela líquida. Também a partir de 1º de outubro a Torre vai receber o empreendimento Yard By Hidden +IVV, que consiste na instalação de um bistrô no mezanino, além de visitação noturna especial ao mirante, desta vez a cargo dos organizadores do evento.

 

“O BRB tem orgulho de fazer parte da recuperação e reocupação da Torre de TV, um dos principais cartões-postais e pontos turísticos de Brasília”, afirma o presidente do BRB, Paulo Henrique Costa.

 

As entregas de outras ações de recuperação da Torre de TV também já têm datas previstas. Em dezembro, por exemplo, estará concluída a reforma da fonte – o espaço estará pronto, assim, para voltar a brilhar como o tradicional cenário de Natal da cidade.

 

Para abril do próximo ano estão previstas as entregas da segunda fase do mirante, um museu digital e a segunda fase da nova fonte. A conclusão de todo o projeto está programada para setembro de 2021, com a entrega também da segunda fase do novo jardim.

 

 

 

 

“Tudo será redesenhado. Trata-se de um corredor cultural que vai da Rodoviária até a Feira da Torre de TV. Do ponto de vista de iluminação, paisagismo e disponibilização de Wi-Fi, se a gente considerar que ali vai ser um grande boulevard ao ar livre, e é isso o que queremos devolver para o cidadão de Brasília”, acrescenta Paulo Henrique Costa.

 

Ele destaca ainda que a Torre, “o principal dos marcos”, será celebrada com um museu digital que vai contar a história de Brasília, com a reabertura do mezanino.

 

“O compromisso e a generosidade do BRB com a população de Brasília, permitem que a Torre de TV seja totalmente revitalizada para que este símbolo da Capital volte a servir como a atração turística mais visitada da nossa bela cidade”, comemora Vanessa Mendonça, secretária de Turismo do DF.

 

Carinho pelo ponto turístico

 

O ponto turístico também recebeu cuidados externos. Entre 10 de agosto e 2 de setembro a Novacap fez uma série de serviços de zeladoria na Torre, incluindo limpeza e retirada de todas as espécies plantadas indevidamente; construção de 16 canteiros ornamentais; remoção da grama entre bloquetes; e manutenção na rede de drenagem da área.

 

Também foram plantados arbustos das espécies azaleias, camarões amarelos, capins, canas índicas, alamandas amarelas e palmeiras sicas, além das flores zíneas, dos flocos estrelados e das camomilas. Também foram plantadas 40 árvores – palmeiras jerivás –, 20 de cada lado da Torre (extremidades sul e norte).

 

As árvores e os arbustos retirados representavam perigo, pois podiam causar acidentes devido à quebra de pedaços das calçadas. Também atrapalhavam a circulação, pois ficavam no caminho dos passantes. O material retirado é triturado ou colocado para leilão, a depender de cada caso. As espécies plantadas são de menor porte, chamadas de plantas baixas.

 

Mudanças importantes na paisagem, demonstração de cuidado da atual gestão com o espaço. “A Torre de TV é um espaço muito tradicional de Brasília, visitado por pessoas de todo o mundo. A manutenção do complexo não só garante que a população tenha um local seguro e agradável como, também, atrai mais turistas, o que movimenta o comércio e gera empregos na cidade”, observa o diretor-presidente da Novacap, Fernando Leite.

 

Essas e outras reformas têm transformado o monumento nos últimos meses. Em junho de 2019, por exemplo, a Companhia Energética de Brasília (CEB) finalizou a instalação de luminárias LED na Feira da Torre de TV. Executada em parceria com a Secretaria de Obras e Infraestrutura, a reforma faz parte dos esforços do governo para tornar o DF mais iluminado e seguro.

 

Na ocasião foram substituídas 76 luminárias convencionais por equipamentos de LED e instalados 55 postes de aço com a mesma tecnologia de iluminação, em um total de 131 novos pontos. Esse tipo de equipamento, além de trazer mais luminosidade para o local, pode gerar uma economia de até 60% para o GDF.

 

 

 

Gestão que resolve

 

Em outubro de 2019, a gestão da Torre de TV foi repassada ao BRB, por meio de um Acordo de Cooperação Técnica (ACT), pelo prazo de 20 anos. O acordo foi assinado entre as secretarias de Turismo (Setur) e de Projetos Especiais (Sepe) e a Novacap.

 

O texto prevê não só a revitalização do espaço, mas a criação do Corredor Cultural do Banco de Brasília (CCBRB). Em poucos meses à frente do espaço, o BRB e os órgãos do GDF tiraram o cartão-postal do abandono e do esquecimento.

 

Projetada pelo arquiteto e urbanista Lucio Costa e inaugurada em 1967, a Torre de TV teve como inspiração a Torre Eiffel (Paris, França), um dos mais famosos monumentos do mundo. Seu mirante, que apresenta uma vista privilegiada de Brasília, finalmente voltará a ser opção para os turistas.

 

* Com informações do Banco de Brasília

Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil - Governo do Distrito Federal

NOVACAP

Setor de Áreas Públicas - Lote B - CEP: 71.215-000 Telefone: 3403-2300