Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
14/01/14 às 17h26 - Atualizado em 29/10/18 às 14h41

Novacap lança Programa Anual de Arborização Urbana 2014

Governador Agnelo Queiroz e presidente Nilson Martorelli

participaram do plantio de árvores no Parque da Cidade

 

O Parque da Cidade Sarah Kubitschek, um dos patrimônios ambientais mais importantes do Distrito Federal, sediou na tarde de ontem (13) o lançamento do Programa Anual de Arborização Urbana 2014, elaborado e executado pela Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap). A cerimônia contou com a presença do governador Agnelo Queiroz, do presidente da Novacap, Nilson Martorelli, do chefe do Departamento de Parques e Jardins (DPJ) da Companhia, Rômulo Ervilha, e de outras autoridades.

 

“Vamos iniciar o ano de 2014 plantando árvores, o que é muito simbólico”, comemorou o governador, frisando a importância do plantio para que Brasília preserve a qualidade de vida desfrutada por seus habitantes. “Este é um ato simples, mas de grande significado para nossa cidade.” Segundo Agnelo Queiroz, o GDF tem buscado conciliar o crescimento e o desenvolvimento econômico com a preservação do meio ambiente, “e o Programa Anual de Arborização comprova esta preocupação”.

 

Na oportunidade, foram plantadas cerca de 500 mudas de espécies frutíferas, de um total de 1.079 que o Parque receberá ao longo de todo o Programa. Entre elas, jabuticabeiras, nespereiras, ingazeiros, tamarineiros, mangueiras, amoreiras, araçás, jenipapeiros e pitangueiras. Os plantios estão sendo feitos próximos a estacionamentos e pistas de caminhada e ciclovias, para que os frequentadores do Parque possam aproveitar estas frutas em suas caminhadas e passeios.

 

O Programa de Arborização Urbana 2014 prevê o plantio de 100 mil mudas em todas as Regiões Administrativas do DF até o fim do ano. Apenas no Plano Piloto serão 11 mil, sendo 2,6 mil na reposição de árvores das quadras residenciais e institucionais 100, 200, 300, 400, 600, 700 e 900 sul e norte [veja tabela abaixo]. Estão incluídos, ainda, diversos setores, como o Eixo Monumental e a via de acesso à Ponte JK. Já nas vias L3, L4 Norte e L4 Sul serão plantadas cerca de três mil mudas, consolidando a vegetação já existente. Estão sendo priorizadas árvores típicas do cerrado.

 

“Nossa meta é manter o calendário deste programa todos os anos. Isso é muito importante para manter o DF com muito verde e ar puro, características difíceis de ver em outras cidades do Brasil”, disse o governador. Após a solenidade de lançamento, Agnelo plantou algumas mudas com a ajuda da primeira-dama, Ilza Queiroz, do presidente Nilson Martorelli e de funcionários da Novacap.

 

Sibipirunas – Mais cedo, Agnelo Queiroz e o vice-governador, Tadeu Filippelli, visitaram o Viveiro II da Novacap, para onde foram transplantadas as 67 sibipirunas retiradas no fim de outubro de 2013 do canteiro central da Estrada Parque Aeroporto para a realização das obras do BRT Sul.

 

Acompanhados do presidente da Novacap, Nilson Martorelli, e do presidente do DPJ, Rômulo Ervilha, o governador e o vice puderam conferir as condições atuais das plantas, que já começam a brotar. “Estas são árvores que fazem parte da história de Brasília e é uma satisfação podermos recuperá-las”, disse Agnelo.

 

Segundo Filippelli, as árvores têm cerca de 50 anos e possuem grande valor ambiental e sentimental para a cidade. Para ele, o GDF foi “corajoso” ao realizar o transplante das sibipirunas, empregando todos os meios necessários para que a operação fosse bem sucedida. “Mesmo com especialistas dizendo que elas não sobreviveriam, hoje vemos que estão bem e que já começam a brotar. Este é um belo trabalho que pode servir de exemplo para todo o Brasil”, disse.

 

No Viveiro II, as 67 árvores – que levaram cerca de dez dias para serem transplantadas – recebem cuidados especiais da equipe da Novacap: são regadas, adubadas e têm seu desenvolvimento constantemente monitorado. “Elas têm cerca de 50 anos e em mais ou menos três meses já começam a se recompor”, comemorou Nilson Martorelli.

 

Toda a visita foi acompanhada pelo ex-chefe do DPJ da Novacap, Francisco Ozanan Coelho, responsável pela retirada das árvores do canteiro central da Estrada Parque Aeroporto e pelo replantio. “O trabalho que vem sendo feito pela Novacap é fundamental. Aqui está sendo uma espécie de UTI para as sibipirunas”, afirmou Ozanan.

 

 

QUANTITATIVOS

 

LOCAIS

QUANT.

REGIÕES ADMINISTRATIVAS

76.800

PARQUES

13.000

PLANTIO POR OBRA DIRETA (ONGs, ÓRGÃOS PÚBLICOS ETC.)*

7.000

RODOVIAS (CANTEIROS CENTRAIS E LATERAIS)

3.200

TOTAL

100.000


* O Departamento de Parques e Jardins (DPJ) da Novacap disponibiliza espécimes arbóreos para órgãos públicos e entidades sem fins lucrativos para executarem o plantio de acordo com as normas do DPJ.


camerafotografica


Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil - Governo do Distrito Federal

NOVACAP

Setor de Áreas Públicas - Lote B - CEP: 71.215-000 Telefone: 3403-2300