Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
4/11/20 às 10h32 - Atualizado em 4/11/20 às 10h32

Novas calçadas no Sol Nascente/Pôr do Sol

Quatro mil metros de passeio estão sendo construídos. Investimento é de R$ 1,2 milhão

 

 

Os quase 90 mil moradores do Sol Nascente/Pôr-do-Sol vão ganhar calçadas com acessibilidade em quatro pontos da Região Administrativa (RA), o que vai dar mais segurança para os pedestres circularem nas ruas da cidade. São cerca de quatro mil metros de passeio, que demandaram um investimento de R$ 1,2 milhão. Iniciadas na última semana de outubro, as obras são executadas por uma empresa contratada por licitação pela Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap), com apoio do GDF Presente e da administração regional.

 

Os recursos são originários de emenda parlamentar do deputado Fernando Fernandes. O maior trecho de calçadas, 1,6 mil metros, na Avenida P1 Norte, será construído do balão da Feira do Produtor até a chegada ao Setor P Sul, em Ceilândia. Quem passa em frente à Escola Classe JK, no Trecho 01 do Sol Nascente, também vai andar com segurança por passeios novos. São R$ 1,2 mil metros de calçadas até a garagem de ônibus do P Sul.

 

A EQNP 7/11, no Trecho II do Sol Nascente, é outro local a ganhar calçadas que darão a volta na quadra. Um Ponto de Encontro Comunitário (PEC) também será instalado no local. Os alunos do Centro de Ensino Fundamental (CEF) 32, no Pôr do Sol, também poderão entrar e sair da escola passando por um passeio que será construído ao redor do colégio.

 

 

 

 

Claudinete Félix de Oliveira, 45 anos, mora há 20 no Pôr do Sol e conta que a construção da calçada em frente ao CEF 32 é uma demanda de pelo menos seis anos da comunidade. Ela destaca que a obra vai beneficiar principalmente os alunos com deficiência e dificuldade de locomoção. “Hoje, eles precisam passar pela terra para chegar no colégio, por um local de difícil acesso – isso sem falar da lama nessa época de chuvas”, conta. “As crianças brincam que são ‘pé de toddy’ – saem de casa limpas e voltam sujas”.

 

O administrador do Sol Nascente/Pôr de Sol, Cláudio Ferreira Domingues, reforça que essas obras, que fazem parte da urbanização da RA, vão dar mais conforto e segurança à comunidade. “Hoje, as pessoas andam na rua, no meio dos carros”, atenta. “As calçadas também vão facilitar o lazer e a prática de esportes”.

 

Cronograma diferenciado

 

O Polo Oeste, responsável pela zeladoria da região, também cuida de Ceilândia, Samambaia e Taguatinga, as maiores e mais populosas cidades do DF, além de Brazlândia. Pelo tamanho das RAs, as equipes responsáveis pelos serviços têm um cronograma diferente do que é seguido pelos demais polos do programa. Para atender todas as demandas dos moradores, os servidores passam duas semanas em cada cidade. “Só em Brazlândia ficamos uma semana, apenas porque a cidade é menor”, explica o coordenador do polo, Elton Walcacer. “As outras são muito grandes; ficando nelas duas semanas, conseguimos otimizar o trabalho”.

 

Na última quinta-feira (29/10), o polo concluiu duas semanas de trabalho na RA – criada pelo governador Ibaneis Rocha há pouco mais de um ano para dar qualidade de vida à população. Com apoio do Serviço de Limpeza Urbana (SLU), as equipes recolheram 1,2 mil toneladas de entulho das ruas da cidade e de áreas de transbordo irregular na Chácara 2 do Condomínio Gênesis, na VC 311, no Trecho 3 do Sol Nascente e perto do CEF 32, no Pôr do Sol.

 

 

 

 

Para retirar a sujeira só da área do Pôr do Sol, os caminhões do SLU fizeram 69 viagens à Unidade de Recolhimento de Entulho (URE), localizada na Estrutural. Executada para eliminar o acúmulo de água das chuvas – o que ajuda a prevenir contra a dengue –, a limpeza das cidades também tem como meta evitar a ocorrência de ratos e animais peçonhentos, como escorpiões e aranhas.

 

|24 toneladas de massa asfáltica foram utilizadas em obras de tapa-buracos na região|

 

As equipes ainda atuaram em operações tapa-buracos na Avenida Trem Bom, no Trecho 3, na Quadra 105, perto do terminal rodoviário, no Trecho 2 e na Quadra 701 do Pôr do Sol. Em duas semanas, 24 toneladas de massa asfáltica foram utilizadas. Também foram limpas as bocas de lobo do Condomínio Pinheiros 2 e na avenida que liga liga o Trecho 1 do Sol Nascente ao Pôr do Sol.

 

Lago Sul

 

No Polo Central Adjacente I, as equipes finalizaram os serviços no Lago Sul, onde prepararam a cidade para as chuvas. No último dia de trabalho, com apoio do Departamento de Estradas de Rodagem do DF (DER), foi feita a operação tapa-buracos na Estrada Parque Dom Bosco (EPDB) e nas QLs 16 e 18. Quase seis toneladas de massa asfáltica foram usadas para recuperar o asfalto.

 

Itapoã

 

No Itapoã, o GDF Presente passou a semana atuando na limpeza do novo pátio de serviços da administração regional, localizada na antiga garagem do Grupo Amaral, e avançou na colocação de meios-fios na pista de cooper.

 

 

Calçadas levam segurança ao Sol Nascente/Pôr do Sol

Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil - Governo do Distrito Federal

NOVACAP

Setor de Áreas Públicas - Lote B - CEP: 71.215-000 Telefone: 3403-2300