Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
13/02/12 às 18h10 - Atualizado em 29/10/18 às 14h42

Rapidez na conclusão da Torre Digital

O governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz, visitou na manhã desta segunda-feira as obras da Torre Digital, que transmitirá os sinais de tevê digital no DF. Acompanhado do vice-governador, Tadeu Filippelli, do secretário de Obras, Oto Silvério e do presidente da Novacap, Juvenal Batista Amaral, Agnelo Queiroz garantiu que o monumento – projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer – será inaugurado no dia 21 de abril de 2012.

 
O governador Agnelo Queiroz cobrou o cumprimento de prazos e determinou todo o empenho para a conclusão da obra na data estipulada.  “Determinei que sejam tomadas todas as providências necessárias para que a Torre seja entregue à população no aniversário de Brasília. Nossa equipe de governo está se reunindo duas vezes por semana somente para tratar desse assunto”, destacou Agnelo Queiroz.
 
A Torre Digital era uma das diversas obras que estavam paradas há meses quando o governador assumiu o mandato em 2011. Agora, seis frentes de trabalho atuam para acelerar a finalização da obra – urbanização, com drenagem pluvial e paisagismo; água e coleta de esgoto; acesso com trânsito facilitado; obras de acabamento interno; iluminação; e documentação legal.  
 
O secretário de Obras do DF, Oto Silvério, reforçou a data da inauguração. “Nosso cronograma obedece à determinação do governador. Até o primeiro grande evento esportivo internacional de Brasília, que será a Copa das Confederações, em 2013, teremos o sinal digital para todo o Distrito Federal”, garantiu.
 
No dia 21 de abril, será entregue a parte física da Torre, com total estrutura para visitação: lojas, cafés, museu e mirante. A partir de então, as empresas de comunicação dão início ao processo de instalação de equipamentos de retransmissão de sinal, o que deve durar de seis a nove meses. Após a inauguração, o monumento funcionará com visitações programadas, em horários diferentes da montagem dos equipamentos das empresas de tevê. O orçamento total do projeto é de aproximadamente R$ 80 milhões.
 
Vista privilegiada – Projetada pelo arquiteto Oscar Niemeyer, a Torre Digital está localizada em um dos pontos mais altos de Brasília, na Região Administrativa do Lago Norte, e terá um mirante de 120m com capacidade para 74 pessoas. O visitante, ao conhecer as instalações, estará a mais de 200m de altura em relação ao centro de Brasília e a 1,2 mil metros acima do nível do mar.
 
Além do topo, onde será o mirante, a torre é composta por duas pétalas, que colaboraram para que o monumento ganhasse o nome de Flor do Cerrado. Em uma delas, a 60m de altura, funcionará uma sala de exposições. Na outra, a 80m, ficarão bares e restaurantes. Também já estão prontos os boxes para abrigar seis emissoras de tevê. Cada um deles com 90m², distribuídos em sala geral, sala de operações e banheiro.
 
Na área da Torre Digital também foram construídas dez lojas, que devem abrigar cafés, lanchonetes e espaços de comercialização de souvenirs, além de 746 vagas de estacionamento.
 
A área total construída é de aproximadamente 8,5 mil m², sendo a altura total de 185 metros. A parte metálica, acima da de concreto, tem 50m, onde será instalada a torre de transmissão, que ficará a cargo das emissoras de TV.
 
Também participaram da visita o secretário de Turismo do DF, Luis Otávio Neves; a secretária de Comunicação Social, Samanta Sallum; o secretário de Publicidade Institucional, Abimael Nunes; o presidente da Companhia Energética de Brasília (CEB), Rubem Fonseca Filho; o presidente da Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap), Juvenal Batista Amaral e representantes da Imobiliária de Brasília (Terracap), representantes de emissoras de televisão, entre outras autoridades.


Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil - Governo do Distrito Federal

NOVACAP

Setor de Áreas Públicas - Lote B - CEP: 71.215-000 Telefone: 3403-2300